Título da Redação: A laicidade em jogo

Proposta: A intolerância religiosa no Brasil

Redação enviada há mais de 3 anos por Edson Fahel


A intolerância religiosa é, sem dúvidas, um dos grandes problemas da laicidade do Brasil. Nota-se, apesar da separação entre Estado e religião, que as pessoas ainda demonstram um processo bastante conservador e preconceituoso diante algumas religiões que coabitam no país, como o candomblé ou umbanda. Todavia, todas as religiões precisam ser respeitadas e a liberdade de manifestação garantida. Afinal, a nação verde-amarela foi fruto de um processo de miscigenação e assim, a diversidade cultural é uma das maiores características brasileira.

Desde a Antiguidade, a procura pela fé e uma explicação para problemas que circundavam a terra foi uma marca do homem. Na Idade Média, as Instituições religiosas estavam diretamente ligadas ao governo, principalmente o catolicismo. Por exercer uma enorme influência, durante a formação do Brasil, as outras religiões trazidas pelos africanos foram menosprezadas por um processo de aculturação. A formação brasileira foi marcada pela intolerância, mas hoje, baseados nos princípios de "igualdade, liberdade e fraternidade" que a própria Constituição garante, todos os atos de desrespeitos se tornam um empecilho para a garantia de alteridade no Estado e a harmonia entre os próprios cidadãos.

Apesar do Brasil ser um Estado laico, pela sua história, é normal que e compreensível que o cristianismo esteja fortemente presente na sociedade. Entretanto, basta olhar na própria realidade do país para compreender as diversas injustiças culturais que ainda ocorrem. No plano político, essa veracidade se revela pela existência de uma bancada evangélica e cristã, na qual muitos parlamentares buscam através da religião moldar as leis o que compromete a laicidade do país. No plano social, as divergências podem ser notadas pelas próprias notícias. Em 2015, uma menina saindo de um terreiro de candomblé foi atingida por pedras de manifestantes evangélicos que atrelavam a religião a um caráter demoníaco. É inegável a influência da religião na vida das pessoas, mas deve-se haver limites e princípios de alteridade entre as culturas.

Em suma, observa-se nesse contexto cultural a supremacia das religiões que estão ligadas ao processo de formação brasileiro. As diversas injustiças ainda existentes precisam ser coibidas para que a laicidade do país seja garantida. Afinal, o significado de laico é "o que não está sujeito ou influenciado a uma religião" e não é isso que está ocorrendo no país. Dessa forma, a mudança precisa começar dentro da própria estrutura política para uma mudança significativa na própria sociedade. Deve-se cortar as raízes que atrelam religião e política, uma vez que são viés bem diferentes. Garantido também o direito de cidadania, as diversas religiões poderão coabitar em paz e a liberdade de manifestação garantida.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018