Título da Redação: Cidade de Deus

Proposta: A intolerância religiosa no Brasil

Redação enviada há mais de 2 anos por ASPIRANTEàMedicina


Na sociedade do século XVII, registraram-se os primeiros atos fundamentados na intolerância religiosa. No entanto, essas violentações não foram contidas e persistem à contemporaneidade devido às densas raízes históricas e sociais que fundamentam o panorama exposto. Colaborando assim, para a formação de um desafio ávido por erradicação.
Quando Jovens católicos, no século XVII, decidem bombardear o parlamento inglês, esses homens, anonimamente, escrevem na história um dos primeiros casos de atentados religiosos da modernidade – a conspiração da pólvora. Na sociedade contemporânea, os casos se potencializaram por conta de um ideário que é repassado durante gerações e por todas as crenças- a filosofia da naturalidade da fé. A qual, em sua particularidade, é dita como única e verdadeira. Sobre esse mosaico, o escritor iluminista, John Locke, afirmou nos seus trabalhos, que ninguém poderia instituir uma fé como natural, tampouco desrespeitar aquele que não comunga da mesma fé. Demostrando, assim, que a intolerância é um legado histórico errôneo ávido por mitigação.
Nesse ínterim, ressalte-se a revolução técnico-científica como uma das vias para alteração das relações da sociedade no período pós-industrial. Essas vínculos são marcados pela efemeridade, descompromisso e desrespeito. Destaque-se esse último, pois tem sido, no pós-modernismo, um dos grandes responsáveis por a quebra da coesão social. Como se verifica nos casos de intolerância religiosa, a ação envolve séries seguidas de desrespeito, os quais desmaterializam o modelo de sociedade proposto por Santo Agostinho – a cidade de Deus, a qual seria um núcleo de perfeita justiça social. Infere-se, portanto, que o desrespeito erradica a prosperidade civil.
A intolerância religiosa exibe à contemporaneidade um desafio preocupante que pode ser erradicado através da coerção e do consenso. Coerção, através da abrangência dos dispositivos legais já existentes, pelo Ministério da justiça, sob forma do enrijecimento das leis, ampliações das penas e difusão de cadeias especializadas para esses casos. O consenso, por meio do Ministérios da Educação, sob forma da elaboração de cartilhas escolares, inclusão da disciplina Formação Cidadã no currículo educacional, para que se estimule, desde as primeiras séries, o respeito à diversidade religiosa. A perpetuação da importância do respeito na sociedade abre caminho para aquilo que se deseja ao mundo: a coesão social da cidade de Deus.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018