Título da Redação: Redação sem título.

Proposta: A intolerância religiosa no Brasil

Redação enviada há cerca de 2 anos por usuário anônimo.


Ao fazer uma análise histórica do desenvolvimento das antigas civilizações até as de hoje, é fácil perceber como a religião influenciou na politica e no modo de agir das pessoas. Sendo igualmente notável a presença da intolerância religiosa durante toda esta trajetória. No Brasil, temos o exemplo da perseguição dos portugueses à cultura indígena, e posteriormente, a africana. Entretanto os registros de intolerância não morreram quando os negros foram libertos da escravidão, eles sobreviveram aos séculos, infiltrados entre as gerações estando presentes até hoje.
Como estado laico, o Brasil permite a liberdade de culto e se mantem neutro, sem definir uma religião como padrão. Porém, contraditoriamente, tem-se a predominância de políticos de apenas duas religiões compondo a bancada do senado, e os feriados nacionais que são a maioria católica. Além disso, a mídia constantemente satiriza as religiões que não fazem parte do cristianismo, e consequentemente dão pouco espaço para elas em seus programas.
Toda via, a intolerância também está nas ruas, nos ônibus, nas conversas entre vizinhos, se tornando comum o ato de zombar as outras religiões e seus seguidores com comentários extremamente preconceituosos, mostrando que quem os fez conhece pouco sobre o assunto. Os Ateus também são perseguidos por não acreditarem em divindades, e alguns por outro lado, também são intolerantes com os crentes. Esse comportamento também é refletido na internet, que vem sendo usada para propagar discursos de ódio e intolerância.
Casos como os citados anteriormente passam despercebidos pela maioria da sociedade, porém existem casos ainda mais graves onde ocorre violência física que ficam completamente impunes, apesar de já existir uma lei, criada em 2007, que considera crime os atos de intolerância religiosa. Entretanto, ela não vem sendo totalmente cumprida pela policia e nem pelo poder judiciário.
Pode-se concluir que apesar da diversidade religiosa, a sociedade brasileira ainda não lida bem com essas diferenças. E de fato não é possível erradicar completamente a intolerância do país, mas com algumas medidas podemos conseguir reduzi-la. Cabe ao Estado solucionar a ineficácia do cumprimento da lei para esses crimes, e em pareceria com a mídia torna-la mais conhecida popularmente. A mídia junto com escolas e ONGs podem trabalhar na sociedade por meio de propostas educativas que valorizam as diferenças religiosas, desmistificando duvidas sobre elas, como forma de incentivar o respeito e empatia por elas.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018