Título da Redação: Redação sem título.

Proposta: A intolerância religiosa no Brasil

Redação enviada há quase 2 anos por usuário anônimo.


Ao longo da história da humanidade os mais diversos povos construíram as suas próprias crenças e deuses. Desde as Grandes Navegações, europeus, asiáticos e outros, passam a residir no Brasil e, com isso, religiões diferentes coabitaram. Desse modo, houve um grande sincretismo de credos ao decorrer do tempo, mas, ainda assim, é comum casos de intolerância religiosa.
Dentre os muitos preconceitos religiosos existentes, o candomblé sofre com a maioria. Por essa religião ser uma herança deixada pelos africanos durante, principalmente, a colonização, são vistas, erroneamente, como prática diabólica e má (isso reflete a discriminação religiosa, como também a racial). As ofensas, muitas vezes, são mais do que insultos e xingamentos, chegando, até, a violência física, como espancamentos e apedrejamentos, bem como o ataque a terreiros e a destruição de imagens usadas nos rituais. Portanto, é certo que este grupo deve receber maior atenção por parte das autoridades governamentais.
Além da discriminação com as diferentes crenças, há a com os indivíduos que não não possuem fé em nenhuma divindade. Os ateus, atualmente, já são, depois dos católicos, a maioria entre os jovens, segundo dados do IBGE. É um número crescente que, por conseguinte, vem ganhando maior atenção por parte da população. No entanto, uma parcela significativa da sociedade possui uma visão péssima desse grupo. Os mesmos são taxados de hereges, pecadores e, frequentemente, adoradores do diabo. O preconceito, inclusive, é demonstrado em tevê aberta, como aconteceu com o apresentador Datena, que durante seu programa disse que ateus não merecem o respeito dele e são pessoas más.
Portanto, para a não continuidade de qualquer intolerância religiosa e os problemas decorrentes dela, é imprescindível que o Governo intervenha, por meio de propaganda e publicidade na tevê aberta, com intuito de conscientizar a população, para que todos respeitem a pluralidade de crenças. Ademais, cabe a cada cidadão o cumprimento da Constituição, que prega a laicidade do Estado e a liberdade de culto. Os estados devem, também, atender com atenção todas as denúncias de intolerância, dando a devida importância e punindo casos de intolerância, se necessário.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018