Título da Redação: Ostenta para viver

Proposta: A ostentação e o consumismo.

Redação enviada há mais de 3 anos por Yago Pereira


O funk hoje está presente na vida de quase todos brasileiros, direta ou indiretamente. Por tratar-sede um gênero musical traz em suas letras uma mensagem, na sua maioria remetendo à ostentação. Essa ideia permeia todas as classes sociais fazendo do consumismo uma necessidade para atingir a satisfação momentânea.
Ostentar passou a ser um status social. O individuo que não consegue adequar-se ao movimento sente-se excluído. Surge, então, a necessidade do consumismo, comprar mais e cada vez mais, para inserir-se novamente na sociedade.
Essa busca pelo acúmulo de bens materiais é reforçada pelos hits do funk que repercutem diariamente nas grandes mídias. A musica plaque de 100 do Mc Guimê, assim como outras, apresentam uma realidade distante daquela em que o interlocutor vive. Quando essa pessoa consegue, ainda que muito pouco, afastar-se da sua realidade para a do funk sente-se momentaneamente satisfeito.
A ideologia, no seu sentido marxista, é uma ideia que tem por objetivo ofuscar a visão da realidade. Utilizando esse conceito é possível situar a ostentação como uma ideologia para manter o consumismo. É preciso reverter esta situação. Romper laços com o desejo compulsivo de consumo. Fazer do funk uma ferramenta para libertar a sociedade desse modelo econômico, fomentando a a vida daqueles que são marginalizados, deve ser o primeiro passo para a mudança.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018