Título da Redação: Redação sem título.

Proposta: A ostentação e o consumismo.

Redação enviada há mais de 2 anos por usuário anônimo.


Ao fazer uma análise da sociedade atual, busca-se descobrir as causas do consumo exagerado. Podemos perceber que o desejo de ostentar está intimamente relacionado. Os valores morais estão sendo distorcidos pelo sistema econômico, o que acarreta em prejuízos ao meio urbano.

É inegável, somos bombardeados a todo instante por propagandas publicitárias. Quanto mais vendas melhor! Urge o capitalismo, enquanto nos propaga a ideia de que se não obtivermos certo produto não estamos bem. Não vendem apenas um produto, mas o status que vem junto.

De forma similar pensava Karl Marx, filósofo e sociólogo, há um fetiche que a mercadoria exerce sobre aquele que compra, descrevia. Assim, um jovem desejando estar bem socialmente, isto é, ostentar e não tendo condições pode vir a furtar. Crime tão frequente na urbe, que só tende a piorar a medida que não se trata mais de necessidade como antigamente, busca-se o prestígio por portar certa marca, e essa lança um novo produto a cada instante.

Nessa perspectiva, é preciso reconhecer a importância dos valores morais. O valor humano independente do que se tem deve ser passado desde criança. Ensinando-as através de cartilhas, na escola e em casa. ONG's também podem ajudar incentivando não a compra, mas a confecção dos próprios brinquedos, reforçando a real necessidade da compra. Dessa forma, ter-se-há um Brasil com cidades mais tranquilas e voltado para o que importa: o ser.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018