Título da Redação: A inversão da pirâmide etária nacional e suas consequências.

Proposta: Envelhecimento da população brasileira: os novos desafios

Redação enviada há quase 3 anos por Barbara Victoria


Deixando para trás uma pirâmide etária de país subdesenvolvido, o Brasil começou a adquirir uma conformação de país desenvolvido, a partir de 1980, que deverá atingir o ápice em 2030. Contudo, esse fato cria uma grande problemática de desemprego estrutural, pois existirão muitos idosos e poucos jovens, e de falta de fundos no Instituto Nacional do Seguro Social, INSS, pois quanto maior a população idosa, maior a necessidade de verba direcionada a esse setor.
De acordo com dados divulgados pelo site G1, cerca de 1/3 da população idosa do Brasil ainda é economicamente ativa, ou seja, trabalha. Esse fato deve-se a um grande aumento na expectativa de vida do brasileiro, que subiu, em menos de um século, quase 40 anos, saltando de 33 para os atuais 75 anos de acordo com estimativas do IBGE. Logo, é incorreto pressupor que a população economicamente ativa irá se restringir apenas á porção jovem e adulta de indivíduos do país, pois essa população está perdendo terreno para a população de idosos, que, atualmente, invade o mercado de trabalho nacional.
Ao completar 65 anos, 60 para mulheres, o cidadão brasileiro é considerado idoso e, portanto, é isento da obrigação de trabalhar e recebe do governo a aposentadoria, beneficio destinado a pessoas que já não tem mais a capacidade de exercer uma profissão com destreza. Contudo, milhares de idosos continuam trabalhando, apesar de já terem passado da idade adequada, pois, segundo eles, seria um desperdício ignorar tanta experiência pelo simples fato da idade avançada, demonstrando que estão longe da incapacidade suposta pela aposentadoria. Vale lembrar que, no inicio dos anos 90, a França já passava por esse fenômeno, o que levou o país a elevar a idade mínima para o recebimento de aposentadoria, devido ao grande número de idosos trabalhando e recebendo o beneficio, para evitar a falência do país.
Tendo em vista o atual cenário nacional e a inversão da pirâmide etária, são necessárias algumas medidas para manter a economia nacional. Seguindo o exemplo francês, o governo deveria elevar a idade mínima para a aposentadoria, de modo a diminuir a quantidade de beneficiários desta, mantendo o INSS com um fundo estável. Também são necessárias ações advindas da iniciativa privada, que deveria valorizar mais e oferecer salários maiores para idosos devido a experiência e prática que estes possuem, porém, sem desvalorizar os jovens, pois ambos são importantes no cenário econômico. Assim, o Brasil estará, finalmente, pronto para as consequências da inversão etária atual.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018