Título da Redação: Inseguranças de um futuro incerto

Proposta: Envelhecimento da população brasileira: os novos desafios

Redação enviada há mais de 2 anos por Ramon Ferraz Bolsoni


A sociedade pede mudanças em prol de melhorias na qualidade de vida dos idosos. Mas às perspectivas de crescimento e ampliação na qualidade de vida deles ainda é escassa. Não são apresentados muitos números significativos a fim de soluções a partir dos órgãos públicos, otimizando, assim, a insegurança da população brasileira.
No Brasil, em 1940, apenas 2,5% representava a classe de cidadãos acima dos 60 anos de idade. Em 2010 subiu para 10%, aproximadamente 20 milhões de pessoas e a estimativa é para que os próximos 20 anos esse número triplique. Com isso necessita-se uma gestão eficiente para combater os problemas que virão consequentemente com esses números.
O Estatuto do Idoso prevê em seu Art. 2° o direito a saúde e bem estar do cidadão, mas na prática isso não vem acontecendo. Percebe-se, então, claramente a falta de estrutura nos hospitais públicos para atender a demanda necessitada. Sendo que, de acordo com o SEADE (Fundação Sistema Estadual de Analises de Dados), 46% dos idosos possuem alguma patologia que não pode ser tratada, pois a fila de espera é enorme no SUS (Sistema Único de saúde).
Melhorias no sistema geram custos para o governo, mas a prevenção do agravamento das doenças é muito mais viável que precisar construir novas UPA’s (Unidades de Pronto Atendimento), leitos nos hospitais e remédios de alta especificidade. O que torna um problema que antes seria mais simplório na sua resolução, agora um problema de alta complexidade.
Viver com insegurança sobre o dia de amanhã é o que vem acontecendo hodiernamente com essa classe no Brasil. Para se corrigir os problemas que estão causando esse mal estar, pode-se pedir o apoio de instituições privadas na área da saúde, que estejam disponíveis a se mobilizar pela causa da melhoria na qualidade de vida dos idosos, contribuindo com apreço nas condições no pagamento dos tratamentos de doenças. Outra maneira seria estabelecer uma área nos hospitais públicos onde só atenda a classe dos idosos, com médicos especializados e exclusivos para atender essa parte da população que tanto necessita de ajuda.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018