Título da Redação: A SAÚDE ESTÁ DOENTE

Proposta: Humanização no Atendimento à Saúde.

Redação enviada há cerca de 3 anos por Vitor Luciano Oliveira Tomé


Os avanços técnico-científicos nas mais diversas áreas do conhecimento, permitiram à sociedade desfrutar de índices, cada vez mais, elevados de qualidade de vida. Tendo o progresso da saúde, papel fundamental nessa elevação, proporcionando tratamento, prevenção e erradicação de doenças de forma efetiva e rápida. Entretanto, a realidade mostra que o desenvolvimento de novas tecnologias e técnicas para o atendimento à saúde, caminham em descompasso com o desenvolvimento das relações humanas. Uma vez que, o tratamento se tornou mais importante do que o indivíduo a ser tratado.
Uma das principais reclamações direcionadas para a forma de atendimento à saúde, é a maneira desrespeito e desatenciosa com que os médicos tratam os pacientes. Por muitas vezes provocando negligências por parte destes profissionais, como diagnósticos errados e tratamentos inefetivos. Porém, os médicos por si só, não são inteiramente responsáveis por este "comportamento", umas vez que, são submetidos à longas jornadas de trabalho, falta de recursos (equipamentos, remédios, etc) e estarem expostos à um risco constante, por tratarem de pessoas com estados emocionais e físicos alterados que esboçam as mais diversas reações. Todos estes fatores contribuem para a exaustão física e mental, falta de paciência e empatia e impessoalidade por parte destes profissionais.
Contudo, a falta de diálogo entre o profissional da saúde e o paciente é um dos principais fatores da desumanização do atendimento à saúde. No momento em que, o responsável pelo tratamento ignora o paciente, dando atenção apenas para a enfermidade, provoca danos ao paciente. Pois serão ignorados, também, os desconfortos, dores, ansiedade e medos do mesmo. Podendo atrapalhar no processo de cura, pelo fato de que o estado psicológico ter efeitos diretos no biológico. Como por exemplo, o individuo se sentir desmotivado em seguir as recomendações médicas ou até mesmo desenvolver novos quadros clínicos, como a depressão, devido ao medo de sequelas ou até mesmo da morte.
A partir deste panorama, para combater e minimizar a atual situação, é necessário investir em infraestrutura( hospitais e equipamentos), construir uma educação que valorize a ética profissional e o respeito à vida e criar órgãos que fiscalizem o tratamento dado aos pacientes e os protegem de possíveis negligências, sendo preciso também fiscalizar as condições de trabalho que os profissionais de saúde são submetidos. Tendo órgãos como a ONU(Organização Mundial das Nações Unidas) e a OMS( Organização Mundial de Saúde), papel fundamental em auxiliar os países na distribuição de recursos e criações de instituições que almejem uma saúde mais humana.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018