Título da Redação: Mudanças Climáticas: A Incerteza de Hoje.

Proposta: O desafio enfrentado pelo Brasil no cenário das mudanças climáticas globais.

Redação enviada há mais de 2 anos por usuário anônimo.


Embora seja divulgado à população acerca do Aquecimento Global e das variações climáticas, não existem pesquisas concretas que os tornem verídicos. Pode-se afirmar que a ciência se confunde nesse tema, o qual terá de ser amplamente explorado. Fritjof Capra, já dizia em seu livro " O Ponto de Mutação" (capítulo 1) que o mundo, em todos seus aspectos, passa por ciclos e transformações, desgastes e renovações. O aquecimento global tornou-se uma religião que não permite questionamentos. Desde que existam dados que comprovem a sua inexistência, é necessário que sejam evidenciados e debatidos.
O Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas(IPCC) afirma que o Planeta alterou 1°C em menos de 150 anos, o que se torna uma "piada" ao saber, através de pesquisas recentes feitas pela USP, que há 5000 anos o clima variava de 5 a 8°C e retornava à média da temperatura local. A Groenlândia, por exemplo, não derrete desde o ano 10 mil antes de Cristo, como também as calotas polares que se transformam em água em períodos de verão, se tornam gelo nos períodos de inverno e voltam ao seu estado físico de origem.
Os países do grupo BRICS(Brasil, Rússia, Índia e China) estão em primeiro lugar no ranking de emissão do CO2(Gás Carbônico) e SO2( Dióxido de Enxofre) segundo a editora Abril. Por essa pesquisa, tais países passam por causadores do aquecimento global, entretanto, nenhuma nação está se aquecendo, uma vez que o clima se altera em determinada região do planeta(resfria ou aquece) e se normaliza em outras(pesquisas feitas pelo Dr. Ricardo Felício), cumprindo, assim, o que Capra(citado acima) afirmou sobre o ciclo natural que existe na Terra.
Por conseguinte, o clima mundial não está se alterando e o Brasil não sofrerá reflexos de algo improvável. Os meteorologistas fazem análises sem observar o passado e afirmam que o clima de São Paulo está se aquecendo e as chuvas estão decrescendo. No século XIX houve aquecimento demasiado da mesma forma que nos tempos atuais. A partir de 1930 o clima resfriou-se e o índice pluviométrico aumentou. Em 1960 iniciou-se a chamada Era Solar e, novamente, o aquecimento tanto em São Paulo como no Brasil foi constatado. Assim mesmo, se o Estado de São Paulo se aquecesse de forma anormal, tal alteração faria parte do chamado Microclima, o qual não tem a capacidade de alterar o Macroclima, que se refere à nação.
As mudanças climáticas, portanto, precisam ser exploradas a fim de se obter a veracidade. Não se deve assustar a população com histórias não comprovadas ou que estão em discussão. Para isso, cientistas do mundo necessitarão de se agruparem e desenvolverem tecnologias que os certifiquem sobre as alteração do clima a nível global, efeito estufa, camada de ozônio, CO2, SO2, derretimento das geleiras e outros. Muito menos, deve-se colocar em pauta os reflexos que o Brasil sofrerá, mas sim, mostrar às pessoas, através da mídia, das escolas e Universidades, que a ciência está buscando resposta confiável para tal problema.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018