Título da Redação: Resultados da interferência humana nas mudanças climáticas

Proposta: O desafio enfrentado pelo Brasil no cenário das mudanças climáticas globais.

Redação enviada há mais de 3 anos por Tati Dourado


As mudanças climáticas ocorreram devido aos fenômenos naturais ou por ações antrópicas. No caso da influência do homem, se tornou mais intenso a partir da Revolução Industrial, período que se observou o aumento da emissão de gases poluentes no ar. E trouxe como consequências, como o aquecimento do planeta, provocando redução das calotas polares, o contraste entre muita chuva e secas em diferentes lugares.
É possível ver nos registros históricos, que o clima da Terra sempre esteve em constante mudança, permitindo até migrações entre os continentes, como a entrada de asiáticos na América pelo estreito de Bhering. Porém, houve uma intensificação da alteração climática com o desenvolvimento das indústrias em si e dos produtos por elas fabricados, a exemplo da indústria automobilística, que passaram a liberar grande quantidade de Gases de Efeito Estufa (GEE). No Brasil, a principal fonte desses gases é o desmatamento das florestas, principalmente em atividades envolvendo a agricultura, pois utilizam o fogo ao preparar a terra para plantar.
As consequências das mudanças climáticas geram transtornos para todas as populações humanas, inclusive para o Brasil, que tem registrado fenômenos que não são comuns ao país, como o furacão Catarina na costa brasileira em 2004. Além desses eventos, há ainda a influência na produção de energia elétrica, que depende diretamente da intensidade e distribuição das chuvas, já que a maior parte da energia do país vem das hidrelétricas. A agricultura brasileira também poderá sofrer sérios prejuízos, pois qualquer variação nas condições ambientais pode alterar a produtividade das culturas, do solo e consequentemente interferir na economia do país.
Em virtude dos fatos mencionados, verifica-se que a conscientização da população ainda é a melhor intervenção na redução dos GEE e consequentemente nas mudanças climáticas. Ações diárias como, consumir o essencial, reaproveitar e reciclar materiais, utilizar biocombustíveis fósseis, gerariam, com certeza grande impacto. Porém, alguns eventos naturais já estão ocorrendo e não podem ser evitadas, e para minimizar seus efeitos, o governo deveria investir maciçamente em fontes de energia adicionais, como a eólica, solar e o bagaço da cana-de-açúcar. Na agricultura, deveria aumentar os investimentos na biotecnologia, a fim de “criar” plantas mais resistente à seca, por exemplo. E evitar o desmatamento, principalmente da Floresta Amazônica, aumentando a fiscalização e concedendo benefícios aos agricultores que não desmatam.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018