Título da Redação: A desigualdade social e o preconceito familiar

Proposta: O que é uma família?

Redação enviada há cerca de 3 anos por Rapha Lins


As civilizações evoluem desde o seu surgimento, não só os indivíduos, mas a maneira de interação entre eles. Mesmo no início da sociedade, com o conceito firme de família padrão, formadas por pai, mãe e filhos, já existiam outras formações familiares. Porém, essas formações geravam discórdias, conflitos e vários tipos de preconceitos, não diferindo muito da situação atual. O preconceito é uma das causas fundamentais dessa disparidade sobre as famílias brasileiras, além disso, encobrem atos violentos que prejudicam o ambiente domiciliar, anulando o verdadeiro sentido que tem a família.
O preconceito acompanha os indivíduos, tornando-os fechados e opostos a qualquer alteração no que tem-se por padrão familiar. A idéia de que não se pode haver amor entre pessoas do mesmo sexo ou que mães solteiras são casos vergonhosos deteriora o direito de igualdade e faz a sociedade regredir na linha evolutiva que busca a paridade entre os componentes sociais.
A sociedade reage de forma preconceituosa ao ver uma família com um casal homossexual, mas é bastante branda e até indiferente em diversos casos de violência doméstica. Quantas brasileiras sofrem agressões de seus maridos ou vêem seus filhos serem agredido com o objetivo de "ensinar" o que é correto. Em um lar, que aos olhos sociais é totalmente perfeito, acontecem as mais bárbaras atrocidades, ferindo a base fundamental da família que é o respeito.
O que constrói uma família não é a presença de um pai, uma mãe e irmãos, mas os laços e vínculos criados entre pessoas que se unem com o objetivo de amar, respeitar, educar e viver em conjunto de forma harmonizada. Pouco importa se a família é um casal de homens e um ou mais filhos ou se é um pai solteiro, o ponto principal é o respeito entre os membros.
Portanto, não é a diversificação do grupo familiar que prejudica e atenua a disparidade, e sim a banalização de atos covardes e arcaicos, como o preconceito, que dificultam a igualdade social. É preciso a intervenção do Estado, de forma correta e precisa, garantindo direitos iguais a todos os cidadãos. Executando suas leis e projetos. Além disso, a sociedade precisa se libertar de pensamentos ultrapassados e deixar de lado o preconceito que tanto maltrata o ambiente social. Não há melhor sinônimo para a palavra família que o sentimento amor. Que ele seja vivenciado independente das diferenças.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018