Título da Redação: A indústria de consumo e seu impacto no cotidiano feminino

Proposta: Padrão de beleza e sociedade.

Redação enviada há cerca de 3 anos por Paulo Lochs


Grande parte da história da humanidade foi marcada pelo repúdio a vários grupos sociais. Dentre esses grupos, as mulheres são o destaque. A igualdade no trabalho e o direito ao voto são alguns exemplos das inúmeras conquistas alcançadas pelo grupo feminino no século XIX. Historicamente recente, a indústria de consumo, entretanto, tem introduzido ao público feminino um padrão de beleza claramente inatingível. Capas de revistas com modelos extremamente magras, pílulas de emagrecimento e aparelhos de ginásticas são apenas alguns exemplos de produtos oferecimentos pela indústria para que esse padrão seja alcançado. Dessa forma, torna-se evidente a necessidade de se discutir acerca dos valores da mulher e dos limites que devem ser impostos à indústria de consumo.
Por muitos séculos, o homem alegou uma possível superioridade. A mulher estava fadada a uma vida doméstica, centrada na criação dos filhos e nos afazeres da casa. Porém, nos últimos séculos, essa concepção tem mudado. O gênero feminino tem se mostrado igualmente competente em todas as atividades cuja realização, em outras épocas, cabia somente ao homem. Entretanto, a indústria de consumo tem, principalmente no último século, centrado suas propagandas no público feminino no que diz respeito ao padrão de beleza. Consequentemente, as mulheres buscam um padrão de beleza inatingível. Isso resulta, unicamente, em frustração e infelicidade.
Contudo, a ideia de que as mulheres são culpadas por esse infeliz fato é grandemente errônea. A indústria, em seu caráter capitalista, tem como grande interesse o lucro. O bem-estar social é desconsiderado em parte ou até mesmo completamente. Seu objetivo é incentivar o consumo a todo o custo. A indústria estipula um padrão a ser alcançado e, assim, faz com que seu público-alvo somente sinta-se satisfeito quando dispuser daquele produto que, por sua vez, logo será substituído. Esse ciclo não acaba. O lucro é, por fim, assegurado.
As mulheres, portanto, tem se mostrado merecedoras de suas conquistas nas últimas épocas. Entretanto, esse grupo acaba por ceder à influência da indústria de consumo que, por sua vez, impõe um determinado padrão de beleza a ser atingido. Esse padrão mostra-se inalcançável e gera muita frustração e infelicidade. Assim, a mídia, em sua abrangência, pode criar programas que aumentem a autoestima das mulheres. As revistas, além de divulgar mulheres “normais” e com menos edição digital, podem incentivar a beleza e o cuidado com o corpo em um padrão que possa ser alcançado. Além disso, debates em instituições sobre a importância do papel da mulher na sociedade contemporânea podem ser realizados. Dessa forma, o grupo feminino poderá alcançar muito mais conquistas, uma vez que se verá livre de todos esses padrões estéticos inalcançáveis e irrelevantes.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018