Título da Redação: Limites entre estética e saúde

Proposta: Padrão de beleza e sociedade.

Redação enviada há cerca de 3 anos por Camila


Em toda a Idade Moderna, moças da nobreza faziam o uso constante de corsets – cintas que modelavam a silhueta proporcionando um aspecto curvilíneo -. Eram o padrão de beleza a ser seguido pelas demais, mesmo com todos os problemas de saúde (principalmente respiratórios) ocasionados pelo aperto abusivo das peças. No mundo contemporâneo, a ideia de que é preciso um modelo estético para seguir continua a mesma, porém, os riscos trazidos pela vontade de ter as medidas perfeitas se tornaram um dilema de peso no âmbito social, uma vez que, a saúde corporal e psicológica pode ser gravemente afetada.
Em primeiro lugar, deve-se analisar os fatos sociais que influenciam a busca pelo tão desejado corpo magistral. A preferência pela mulher alta e magra sempre esteve evidenciada em todos os veículos de comunicação. No século XX, com a ascensão da televisão, propagandas comerciais exibiam apenas mulheres com esse biótipo corporal para representar as diversas marcas. Jornais e revistas estampavam em suas capas corpos esteticamente impossíveis de serem alcançados. Com isso, mulheres de todas as classes se aderiram ao que podemos chamar de “ditadura da magreza” – se submetiam (e ainda se submetem) à dietas rigorosas para alcançar a excelência imposta pela sociedade -, vindo a se tornarem vítimas de doenças como anorexia e bulimia.
É válido ressaltar, por sua vez, que o mercado capitalista tem sua parcela influenciadora. Diversos produtos que prometem emagrecimento e ganho de massa corporal em um curto prazo circulam pelo comércio em geral, e muitas vezes, iludem grande parte da população por não cumprirem o que está em seus rótulos. Os resultados são frustrantes: ao invés da perca, o ganho de peso, e consequentemente, a sensação de não estar dentro do padrão de beleza original, fazendo com que problemas psicológicos como a depressão, ansiedade e fobia social tenham um aumento significante.
Fica claro, portanto, que a estética sempre foi valorizada, tendo consigo diversos moldes inspirativos para que as pessoas possam alcançar o que julgam ser perfeito. As práticas de modificação corporal não ficaram restritas apenas aos corsets usados na Modernidade, pois as que se veem hoje podem ser ainda mais prejudiciais – inserção de hidrogel, e lipoaspiração, por exemplo-. Diante disso, é de extrema importância que a mídia, através de propagandas e reportagens, deve relevar que é sim, possível ter o corpo desejado. Desde que seja feito por práticas saudáveis, como exercícios físicos aliados à uma alimentação balanceada. Os âmbitos educacional e familiar devem juntos, orientar e conscientizar jovens e crianças para que esses saibam estabelecer limites entre estética e saúde e não se prejudiquem futuramente.

Receba 48 redações corrigidas por apenas R$ 18 por mês *
Clique e conheça nossos planos

* Valor equivalente por mês para o Plano Anual.

Últimos Vídeos no Youtube

Clique aqui e inscreva-se no nosso canal

Img

Como driblar os desafios da liberação do porte de arma - Tema de redação para o ENEM

Img

A questão da fome no Brasil e seus fatores motivadores - Tema de redação para o ENEM

Img

Dicas de gramática: Colocação pronominal

Img

5 Possíveis Temas de Redação para o ENEM 2018